quinta-feira, outubro 04, 2018

Ninguém propõe nada ou ninguém tem interesse em patrocinar?




Por Alexandre Barreto*


Uma pergunta ecoa na mente de muitas pessoas no Brasil que moram fora do eixo RJ/SP e também de outras capitais, quando o assunto é utilização Lei Rouanet: ninguém propõe nada ou ninguém tem interesse em patrocinar?

A convite de Eduardo Martins, editor da revista Marketing Cultural e também do Portal dos Patrocinadores, me debrucei sobre esta questão aqui na Amazônia, na cidade de Rio Branco, capital do Estado do Acre, onde resido atualmente.

Convido você a ler o texto "Lei Rouanet no Acre: ninguém propõe nada ou ninguém tem interesse em patrocinar?"


Aproveito para informar que reduzi muito minha atividade na internet em função de estar agora exercendo a profissão "papai independente" do João Gabriel, que acabou de completar 9 meses.

Caso você conheça pouco sobre a Lei Rouanet, duas matérias publicadas no ano que a Lei completou 25 anos poderão ampliar sua visão sobre o impacto desta lei na vida cultural do país:

"Lei Rouanet completa 25 anos sob fogo cruzado", por Leonardo Cazes, no Jornal O Globo

"Lei Rouanet: os acertos e erros do incentivo", por Murilo Roncolato, no Jornal Nexo




*************************************




Leia "O Produtor Independente vai ampliar sua linha editorial"


Conheça nosso canal no YouTube


[Gostou do conteúdo? Comente para pessoas que tenham interesse no tema e divulgue no seu mailing e redes sociais. Obrigado! Se você achar que o texto não ficou claro, envie sugestões de melhorias para alebarreto@gmail.com Quero aprender com você. Cadastre-se e receba conteúdos enviando seu e-mail para alebarreto@gmail.com]


*************************************





* Alexandre Barreto é administrador pela Escola de Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (EAD/UFRGS), MBA em Gestão Cultural pela Universidade Cândido Mendes (UCAM) e Associação Brasileira de Gestão Cultural (ABGC) no Rio de Janeiro e mestrando no Programa de Pós-Graduação em Educação Profissional e Tecnológica (PROFEPT). Alê é um empreendedor que dissemina conhecimentos e atua em redes para promover mudanças. Escreveu os livros Aprenda a Organizar um Show e Carreira Artística e Criativa. Saiba mais


Nenhum comentário: