quarta-feira, dezembro 06, 2017

"A prioridade é ensinar os alunos a raciocinar de forma independente e não a decorar fórmulas para passar em provas"





Por Alexandre Barreto*



A frase que dá título a este texto é de Marja Martikainem, Diretora da Escola Viikki. Trata-se de um depoimento no vídeo "Lições da Finlândia", reportagem da jornalista Claudia Wallin, radicada na Suécia e autora do livro "Um país sem excelências e mordomias".

Ao longo de pouco mais de 7 minutos, Claudia mostra como um país pobre até a década de 50 conseguiu transformar sua realidade através de uma radical reforma na educação.

Parlamento trabalhando com foco no desenvolvimento da nação, valorização crescente dos professores e educação pública de qualidade em todos os níveis são algumas pistas sobre como a Finlândia se tornou quarto colocado no ranking de competitividade e o terceiro país menos corrupto do mundo.


Assista o vídeo



*************************************



[Gostou do conteúdo? Comente para pessoas que tenham interesse no tema e divulgue no seu mailing e redes sociais. Obrigado! Se você achar que o texto não ficou claro, envie sugestões de melhorias para alebarreto@gmail.com Quero aprender com você. Cadastre-se e receba conteúdos enviando seu e-mail para alebarreto@gmail.com]



*************************************






* Alexandre Barreto é administrador pela Escola de Administração da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (EAD/UFRGS) e MBA em Gestão Cultural pela Universidade Cândido Mendes (RJ) . Empreendedor que dissemina conhecimentos e atua em redes para promover mudanças. Escreveu os livros Aprenda a Organizar um Show e Carreira Artística e Criativa
Saiba mais

Nenhum comentário: