quinta-feira, março 09, 2017

Spcine, empresa de cinema e audiovisual de São Paulo, inova na distribuição de filmes


Uma plataforma digital sob demanda com olhar especial para a produção paulista




Por Alê Barreto
Uma pessoa que dissemina conhecimentos e atua em redes para promover mudanças




Escrevi há pouco tempo: "a inovação precisa ir além da estética. Precisamos inovar na distribuição, comercialização e consumo dos serviços". Para minha alegria, ontem, dia 8 de março, Dia Internacional da Mulher, chegou uma boa notícia.

Cientes de que a distribuição de filmes brasileiros esbarra em falta de salas e no desinteresse dos grandes distribuidores de filmes, e atentos para a tendência de se assistir filmes em dispositivos móveis, a Spcine, empresa de cinema e audiovisual de São Paulo, anunciou o lançamento do SPVod, serviço de streaming para distribuição de longas brasileiros recentes e de catálogo, com ênfase na produção paulistana.

O anúncio foi feito durante a feira de audiovisual RioContentMarket.


Leia a matéria na íntegra no jornal O Globo








Saiba mais sobre a Spcine e sobre as empresas  O2 Play e Hacklab, responsáveis pelo novo serviço.



[Nossa audiência: este blog já recebeu 652.571 visualizações de páginas]


[Gostou do conteúdo? Comente para pessoas que tenham interesse no tema e divulgue no seu mailing e redes sociais. Obrigado! Se você achar que o texto não ficou claro, envie sugestões de melhorias para alebarreto@gmail.com Quero aprender com você. Cadastre-se e receba conteúdos enviando seu e-mail para alebarreto@gmail.com]



**************************************

tags: Spcine, SPVod, distribuição de filmes, mercado brasileiro de cinema, serviço de streaming, distribuição de longas brasileiros, produção paulistana

Nenhum comentário: