quarta-feira, fevereiro 15, 2017

Você tem acompanhado a gestão de sua carreira?


Atitudes podem contribuir com o desenvolvimento de sua carreira




Por Alê Barreto
Uma pessoa que dissemina conhecimentos e atua em redes para promover mudanças





É bastante comum vermos pessoas falando que "não há concorrência, o meu concorrente sou eu mesmo". Discordo desse pensamento. Você pode até decidir não prestar atenção na concorrência, mas ela existe e interfere no mercado que você atua. E "lei de atração" ou qualquer outro tipo de crença metafísica não vai impedir você de receber os efeitos da concorrência. Isso se aplica para pessoas e organizações.

Se você acredita que sua vontade de pintar, desenhar, tirar fotos, fazer esculturas, grafites, atuar no teatro, na TV, subir aos palcos, depende só de você, não se iluda. Não depende só de você. Claro que sem vontade, ninguém chega a lugar nenhum. Mas só vontade não basta. Você não é o único que tem essa vontade. Já parou para pensar quantas pessoas no mundo inteiro sonham em trabalhar com isso? Como se diferenciar no meio de uma multidão de pessoas talentosas, todas buscando um lugar ao sol?

No novo livro "Carreira Artística e Criativa", uma das 7 atitudes que influenciam a boa gestão da carreira que eu recomendo é "ter um acompanhamento de gestão de carreira". Isso não é fórmula de sucesso. Não acredito em fórmulas. Essa atitude é uma constatação prática. E que possui vários depoimentos que confirmam a sua importância.

Como exemplo disso, fiz uma citação no livro "Carreira Artística e Criativa" de um trecho do texto "Aspectos artísticos, técnicos e profissionais na construção da carreira das estrelas/intérpretes da axé music", escrito por Marilda Santanna, que comenta as carreiras de Daniela Mercury, Ivete Sangalo e Margareth Menezes:

"(...) ao longo de suas carreiras, cada uma foi alçando vôos solo, de forma a assumir o seu negócio como "donas", criando blocos e produtoras para que pudessem gerenciar mais de perto o seu produto artístico. Tornaram-se artistas-empresárias não só gerenciando suas carreiras individuais, mas outros grupos e outros negócios fora do ambiente da música" (SANTANNA, 2009, p. 219).

É importante também perceber que ter um acompanhamento de gestão de carreira não é somente algo para celebridades ou para quem já atingiu um determinado patamar. É algo para se ter o mais cedo possível.

Acompanhar a gestão de uma carreira é planejar, realizar, medir o quanto se obteve de resultado, corrigir falhas e voltar a planejar, realizar, medir, etc. É um ciclo contínuo.

Não se iluda que gerenciar uma carreira é passar o dia pesquisando na internet locais para se apresentar. Ou passar a tarde pintando em um ateliê. Acompanhar a gestão de uma carreira é algo que exige tempo, conhecimento e uma infraestrutura.

Você tem clareza sobre a quem se destina o seu trabalho? Como é o comportamento de consumo das pessoas a quem se destina o seu trabalho? Quem são os outros profissionais que oferecem serviços para as mesmas pessoas a quem se destina o seu trabalho? Quanto você fatura mensalmente com o seu trabalho? Quanto você investe mensalmente no seu trabalho? Qual é a despesa mensal com a infraestrutura do seu trabalho?

Pense bem: você tem acompanhado a gestão de sua carreira?



[Gostou do conteúdo? Comente para pessoas que tenham interesse no tema e divulgue no seu mailing e redes sociais. Obrigado! Se você achar que o texto não ficou claro, envie sugestões de melhorias para alebarreto@gmail.com Quero aprender com você. Cadastre-se e receba conteúdos enviando seu e-mail para alebarreto@gmail.com]



Leia sem pressa, também:


livro 'Carreira Artística e Criativa"


livro "As donas do canto: o sucesso das estrelas-intérpretes do Carnaval de Salvador" de Marilda Santanna




**************************************

tags: carreira artística e criativa, administração, sucesso no emprego, sucesso pessoal, carreira profissional - planejamento, carreira criativa, economia criativa e negócios, gestão de carreira 

Nenhum comentário: